FANDOM


"E o carro de Fórmula Um italiano"
-McQueen em Carros 2.

Francesco Bernoulli é um personagem em Carros 2, corredor do Grand Prix Mundial e um grande rival de Relâmpago McQueen. Embora ele seja um antagonista, e rude com McQueen em certos pontos no final do filme ele e Relâmpago se tornam amigos.

Criação e desenvolvimento Editar

Ao desenvolver um personagem de Fórmula 1 para o filme, a equipe de desenvolvimento percebeu que um carro de rodas abertas poderia fazer muito mais gestos do que os carros normais com pára-lamas. O diretor John Lasseter disse: "Nós não costumamos levantar os pneus, em parte por causa do pára-choque Mas eu pensei,".Uou. Fazer um carro de rodas abertas, como Francesco, isso nos dá muito mais gestos. "E então nós pensamos," Bem, esse cara vai estar gesticulando como um louco. Vamos torná-lo italiano, um carro italiano de Fórmula 1. Isso vai ser perfeito."

O projeto de Bernoulli demorou quatro meses para ser finalizado enquanto a equipe trabalhava onde colocar a boca e como dar a um carro de F1 um "pára-brisa" para os olhos. Na verdade, carros F1 não têm pára-brisa. Além disso, eles são muito longos. Como diz o Diretor de Arte dos Personagens, Jay Shuster, "carros de Fórmula têm bicos longos, por isso tivemos que realmente aumentar sua forma para obter o espaço que fosse necessário." Em última análise, os olhos foram colocados em uma espécie de capacete que é integrado ao corpo. A boca está no final de um nariz encurtado, e não debaixo dele como originalmente previsto.

O fato de que Francesco, como um carro de rodas abertas, tem sua suspensão visível, colocou alguns problemas incomuns para os animadores. De acordo com Shuster: "Francesco foi o projeto mais difícil de completar por causa de sua suspensão exposta". Como o animador de supervisão Dave Mullins disse: "Nós sempre temos pára-lamas que cobrem as rodas. Então podemos esconder nossos pequenos segredos sujos debaixo do capô, porque o chassi está se movendo e se alongando. Tudo o que você realmente vê é o corpo duro do carro, E as rodas agindo. Com Francesco, podemos ver a conexão entre as rodas e o corpo. Foi um dos grandes desafios tentando descobrir como apoiar tudo o que está acontecendo com o corpo.

A suspensão original tinha que ser reinventada para suportar todos os alongamentos que os gestos de Francesco causariam, e a equipe teve lutas importantes para conseguir uma suspensão crível. Jay Shuster disse: "Nós percebemos que quando ele meche as rodas da frente, ele está esticado como uma faixa de borracha e é realmente feio. Algo assim demorou cerca de dois meses para descobrir o que estava acontecendo, nós desenvolvemos um braço telescópico inteiro que tinha um ponto de pivô. "O tipo de expressão física que pudemos obter do movimento de Francesco levou muito trabalho, mas realmente pareceu ótimo no final. Ele conseguiu realizar essas poses realmente extremas."

De acordo com a história do supervisor Nathan Stanton, o personagem de Francesco constantemente lembrava a equipe de desenvolvimento do personagem de John Turturro em The Big Lebowski. Consequentemente, John Turturro foi escolhido para voz de Francesco.

História Editar

Carros 2 Editar

Em Carros 2, ele apareceu pela primeira vez no Show Mel Dorado, quando falavam sobre convidar Relâmpago McQueen para o Grand Prix Mundial. Francesco então começou a insultá-lo. Sendo seu melhor amigo, Mate não gostou dos insultos de Francesco a McQueen, e por isso ligou para o show, dizendo para Francesco parar de falar assim sobre Relâmpago, Francesco insulta Mate o chamando de caminhão de lixo. McQueen, vendo Mate no telefone, arrastou-o para fora e lidou com o próprio Francesco, dizendo-lhe que ele não gosta de ter seu melhor amigo ser insultado. Os dois argumentam, terminando com McQueen chamando Francesco de frágilzinho porque ele é um carro de Fórmula 1. Ele toma isso como um insulto sério e começa a xingar em italiano quando ele logo é silenciado. Então Miles convida formalmente Relâmpago para participar do Grand Prix Mundial, ao qual ele aceita e se junta. Mais tarde, Relâmpago e Mate cumprimentam Francesco na Festa de Boas-Vindas em Tóquio. Uma vez terminada a conversa, Francesco mostra a McQueen um adesivo dizendo "Ciao McQueen", provando a arrogância de Francesco. Logo depois, Mate come wasabi achando que era sorvete de pistache. Francesco ri de maneira zombeteira depois que Mate constrange McQueen e ele mesmo na frente do mundo quando bebe da fonte. No início da corrida de Tóquio, ele foi anunciado para ser bom nas retas. Quando os pilotos estavam alinhados, ele ouviu o slogan de McQueen "Eu sou a velocidade!" Ele decidiu zombar de McQueen novamente declarando: "Francesco é tripla velocidade." Durante a corrida, ele caiu para o último lugar na seção de terra, mas foi capaz de alcançar o 2 º lugar. Então, quando Mate estava "indo ao encontro de sua namorada", ele acidentalmente deu a Relâmpago alguns maus conselhos de corrida que fez McQueen ficar do lado de fora, e Francesco, que ficou atras de McQueen, tomou a dianteira, passou McQueen e ganhou a corrida, o que só fez sua rivalidade crescer. Na segunda corrida em Porto Corsa, Francesco ouve sobre McQueen estar sem seu amigo Mate. Então ele diz que é difícil estar longe de casa. No entanto, Francesco estava em casa, e sua mãe estava na platéia. Ele grita para sua mãe que ele vai ganhar a corrida. Na maior parte da corrida, Francesco estava na liderança, mas então McQueen passou por ele e venceu a corrida, com Francesco em segundo.

Na terceira corrida em Londres, ele foi visto em primeiro lugar na liderança. Então Mate, usando um par de foguetes e com McQueen segurando nele, passou rapidamente por Francesco, o que lhe faz esperar que era um sonho ruim. Então Holley, com suas asas e pós-combustão, passa por ele, e ele enlouquece novamente.

No Grand Prix de Radiator Springs, a rivalidade entre os dois tinha se estabelecido um pouco, e eles podem ser considerados "amigos", embora eles parecem ser ainda maiores rivais, às vezes. Antes da corrida, Sally encontra-o quando Relâmpago apresenta-os um para o outro. Então Francesco vê o adesivo no pára-choque de McQueen, que diz: "Ka-Ciao, Francesco!" A corrida começou com McQueen na liderança (era a sua pista de casa), e Francesco seguindo.

Carros 2: O Vídeo Game Editar

Em Carros 2: O Vídeo Game, Francesco é um dos dez personagens que são jogáveis desde o início do jogo. Uma versão de carbono com pintura preta chamada Francesco da Meia-Noite, que e desbloqueada após se recolher 20 spy-points do jogo.

Características gerais Editar

Descrição física Editar

Francesco é baseado em um carro de corrida da Fórmula 1, como observado a partir de especificações, tais como rodas abertas e um longo capô. Sua velocidade máxima é de 220 mph (354 km/h), vai de 0-60 em 2,5 segundos. Seu motor é um 2.4 V-8, Redline de 18.500 rpm, com 750 cavalos-vapor. É pintado de vermelho,branco e verde. Ele tem rodas vermelhas, bem como pneus de borracha preta com os dizeres "Pasta Potenza " e "Rotelli Tires".

Personalidade Editar

Francesco é arrogante e egoísta, como comprovado em várias ocasiões com Relâmpago McQueen. Em Carros 2, Francesco serve como principal antagonista da parte de Relâmpago do filme, e tem uma personalidade semelhante à de Chick Hicks. No entanto, ao contrário de Chick, Francesco parece ter um lado bom em algum lugar de sua transmissão.

Ocupação Editar

Francesco e um campeão de corridas mundialmente famoso.

Apelidos Editar

Por alguma razão, Mate não consegue dizer o nome de Francesco direito, ele sempre o chama de "Sr. São Francisco."

Bio e estatísticas Editar

Carros 2 Editar

  • Francesco Bernoulli cresceu à sombra do famoso circuito de corrida de Monza na Itália, onde ele e seus amigos iam às escondidas para a pista e correr a famosa Pista di Alta Velocita. Ele era um vencedor instantâneo no circuito amador e logo se tornou um campeão de Fórmula 1 internacional. As meninas amam as rodas abertas de Francesco, os jovens olham para o seu espírito vencedor e pilotos companheiros invejam a sua velocidade. Mas o maior fã é Francesco é Francesco, como evidenciado por seu número de corridas. Como o carro de corrida mais famoso na Europa, Francesco é um dos favoritos para ganhar o Grand Prix Mundial, que também faz dele o principal rival de Relâmpago McQueen.

Carros 2: O Vídeo Game Editar

  • O Francesco se tornou um vencedor instantâneo no circuito amador do Grand Prix e logo se tornou um campeão internacional e o carro de corrida mais famoso da Europa. Apesar de seu ego, o Francesco joga limpo nas pistas e adora uma competição amistosa.

Estatísticas Editar

  • Velocidade máxima: 354 km/h
  • 0-60: 2,5 segundos
  • Motor: 2.4 V8

Curiosidades Editar

  • O sobrenome de Francesco, Bernoulli, e uma referência a Daniel Bernoulli, um matemático holandês/suíço que publicou teorias inovadoras sobre a dinâmica de fluidos e a conservação de energia.
  • O Chefe de Equipe de Francesco e Giuseppe Motorosi e um dos seus pities se chama Alex Machino.
  • Na lateral de Francesco, bem atras das rodas, tem um logotipo com as siglas FR em um design semelhante ao logotipo da F1. É a abreviação de Fórmula Racer sua categoria de corrida.
  • Os pneus de Francesco são os Pasta Potenza fabricados pela Rotelli Tires. Potenza alude aos pneus Potenza da Bridgestone, que foram utilizados por todas as equipes da Fórmula Um de 2007 a 2010. "Pasta Potenza" do italiano significa "Muita Potencia". "Rotelli" é uma alusão a Rotini, um tipo de massa, e Pirelli o fornecedor oficial atual de pneus da F1. É possível que também seja uma referencia aos carros esportivos italianos que estão sendo chamados de "Pasta Rockets".
  • Francesco, semelhante a Luigi e Ramone, muitas vezes refere a si mesmo na terceira pessoa.